redirecionamento

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Sequestradora de Porcino Segundo e mais nove presas escapam do CDP de Parnamirim

Dez presas do Centro de Detenção Provisória (CDP) Feminino de Parnamirim, no conjunto Parque Industrial, conseguiram fugir da unidade durante a madrugada de ontem.

De acordo com informações da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc), a evasão somente foi percebida por volta das 6h da manhã, no momento da recontagem das detentas, antes do banho de sol.

As fugitivas cavaram um túnel em uma das celas, em direção ao pátio interno, de onde conseguiram escapar abrindo um buraco no teto do solário. De lá, elas pularam o muro que cerca a unidade e fugiram tomando rumo ignorado. O buraco aberto pelas mulheres tem cerca de 70 centímetros de diâmetro, conforme a direção do local.


A assessoria de comunicação da Sejuc informou ainda que a estimativa é que as dez fugitivas tenham conseguido fugir por volta das 2h30 da madrugada, pois nenhuma das agentes penitenciárias que estavam de plantão percebeu nenhum tipo de movimentação suspeita.

Assim que a fuga foi percebida, a Polícia Militar foi acionada pela direção da unidade prisional, localizada na Rua Rio Madeira, no conjunto Parque Industrial, no bairro de Emaús. Os policiais militares iniciaram as diligências em toda a região, em busca das dez fugitivas, no entanto, até o final da manhã de hoje, nenhuma delas havia sido localizada.

A suspeita é que elas tenham ido em direção à BR-101 ou se embrenhado na mata que cerca o bairro. As fugitivas são: Antônia Berenice Damasceno Lima, Keyla Soares da Silva, Luciana Domingos da Silva, Maria Iracema Costa, Natália Daniele Macena da Silva, Rayllanne Dayanne Assunção dos Anjos, Rayonara Santos da Silva, Rosilene Santos do Nascimento, Sandra Barbosa de Almeida e Alexsandra Matias de Souza.
Com informações Jornal de Hoje.

Seja o primeiro a comentar

Grossos ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

TOPO